quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

DIZIMO E OFERTAS

SURGIMENTO E SIGNIFICADO DE DIZIMO, QUAL É A ORIGEM DO DIZIMO: LATIM QUE SIGNIFICA SE APROXIMAR E OFERECER ALGO OU DÉCIMA PARTE

QUAL É O PERIODO DE ABRANGENCIA: TODO O ANTIGO E NOVO TESTAMENTO
MANDAMENTO OU NÃO
Dizimo vem da palavra dizima que significa contribuir com a décima parte e tem origem no latim DIZMU. O Antigo testamento faz referencia ao dizimo 35 vezes e o Novo Testamento 10 vezes.
É interessante entender deste antemão que o dizimo nunca foi colocado para fazer por mera obrigatoriedade e sim um ato voluntaria de gratidão a Deus.

DIZIMO NO ANTIGO TESTAMENTO
Dizimo no antigo testamento em um primeiro momento era separar a décima parte do produto da terra e dos rebanhos (Genesis 4.4,5). O dizimo é anterior a Abraão e Moisés não se pode datar.
·         A primeira referencia bíblica é com Abraão em Genesis 14.20 pagando do despojo da guerra (Hebreus 7. 1-9).
·         Segunda referencia bíblica é com Jacó que disse através da benção de Deus ele daria dizimo de tudo (Genesis 28.18-22).
·         O dizimo era sustento da tribo Levítica responsável pelo sacerdócio e manutenção (Deuteronômio 12.5,6; 14.28-29; 26.1-15).
·         Os levitas deveriam dar uma oferta alçada a Deus, dizimo dos dízimos (Nm 18,26; Neemias 10.38)
·         Era proibido o resgate do dizimo, pois uma vez entregue santo é ao Senhor (Levítco 27.30, 32-34);
·         O dizimo era sinal de declínio espiritual e a falta de cumprir esse mandamento impedia benções dos céus (Ageu 1. 6-10; Malaquias 3. 8-10);

DI       DIZIMO NO NOVO TESTAMENTO                                                                                                      
   
No p   No período neotestamentário o dizimo é mencionado e abordado, merecendo atenção da igreja uma vez que base da mesma é a teologia do Novo Testamento.

·         JESUS E O DIZIMO:  A prática do dizimo entre os contemporâneos de Jesus tornou-se legalista e ostentatória de falsa espiritualidade. Jesus não condenou o dizimo e sim a motivação errada nos corações (Mt 23.23,24; Lc 11.42);

·         Nas epistolas não aparece a palavra dizimo, mas está claro a contribuição deve ser de coração, não por tristeza e sim com alegria e de forma organizada (1 Co 16,2 ; 2 Co 9.7)

BIBLIOGRAFIA
Revista de Discipulado, Aluno 1, CPAD, DISCIPULO E O DIZIMO.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...