quarta-feira, 23 de maio de 2012

Lição 09: Laodiceia, uma Igreja Morna


 Professoras e professores, para esta lição, apresento as seguintes sugestões:

- Iniciem a aula, cumprimentando os alunos, perguntem como passaram a semana. Escutem atentamente as falas dos alunos e observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração. Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email.
Compreendem a importância desse ato?
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.

- Falem que a lição será sobre a carta dirigida a igreja de Laodiceia, a sétima e última carta.

- Mostrem no mapa, a localização desta cidade. Apresentem características de Laodiceia no aspecto econômico, político, cultural e religioso.

- Quanto à fundação da igreja, falem que provavelmente foi fundada pelo Apóstolo Paulo. Leiam Atos 19.10.

- Em seguida, leiam a carta, que se encontra em Apocalipse 3. 14 a 22.

- Organizem as ideias contidas na carta, separando-as, conforme a tabela abaixo, dessa forma a apresentação do conteúdo torna-se mais didática.

Característica(s) Positiva(s)
Característica(s) Negativa(s)
Advertência(s)




Observação 1: A coluna referente as características positivas ficará vazia, pois esta igreja não foi elogiada.

Observação 2: Vejam algumas informações importantes que podem facilitar o entendimento sobre a a carta quando refere-se ao uso do colírio e também a alusão as águas mornas:

“Outro destaque da cidade era que nela se situava uma das maiores escolas de medicina do mundo antigo. Sua fama se dava pela cura de olhos realizadas no local a partir de um colírio à base de alume ou sulfato que existia na região. O que fazia que ela fosse visitada por pessoas de todo império para tratar com seus médicos.
É que como foi dito anteriormente, por ser rica em sulfato do qual se fabricava o colírio bom para as vistas, este mesmo produto contaminava seus lençóis freáticos tornando a água de suas fontes salobra. E por ser também uma região vulcânica estas mesmas águas eram aquecidas tornando-se mornas e inapropriadas ao consumo.
Os leitores originais desta Revelação sabiam disto e mais facilmente podiam aplicar o ensinamento em suas vidas” (Dados da Internet).

- Em seguida, leiam o texto “O Muro”, que possibilitará a reflexão da necessidade de um posicionamento, não permanecendo em cima do muro, nem morno!

- Trabalhem os pontos levantados na lição, de forma participativa e procurem contextualizar este tema com a vida do seu aluno e com o momento atual da igreja.

- Para finalizar, utilizem a dinâmica “O Termômetro”.

Tenham uma excelente e produtiva aula!

Professoras e professores de Adolescentes e Juvenis, vocês podem encontrar orientações pedagógicas no Blog Atitude de Aprendiz.
Professoras e professores do Discipulado, vocês encontram orientações pedagógicas no Blog Atitude de Aprendiz, no marcador “Subsídio Pedagógico Discipulado I e II”.
Material:
01 copo de água fria(gelada ou natural)
01 copo de água quente
 01 copo de café quente(leve numa garrafa térmica)
01 copo com água morna
01 termômetro

Procedimento:
- Coloquem os 03 copos sob uma mesa ou peçam para 03 pessoas segurá-los.
- Falem: Vamos medir a temperatura de cada líquido. Usem o termômetro.
Copo 01(água fria): falem qual a temperatura registrada no termômetro e solicitem que alguém beba. Perguntem qual a sensação, gostou? Certamente a pessoa vai dizer que sim. Como é bom um copo de água fria num momento de sede!
Copo 02(água quente): falem qual a temperatura registrada no termômetro e solicitem que alguém beba. Creio que ninguém aceitará. Não deixem ninguém beber água quente.
Falem: Nós não conseguimos beber água quente, mas ela tem efeitos terapêuticos excelentes, além de fazermos com a água quente um delicioso café ou outras bebidas que são servidas quentes.
Sirvam neste momento um copo de café(quente) para a pessoa que estava com o copo de água quente. E agora, qual a sensação, gostou?
Copo 03(água morna): falem qual a temperatura registrada no termômetro e solicitem que alguém beba. Será que vai conseguir? Cuidado! Pode dar náusea e vômito!
- Leiam Ap. 3. 15 e 16. Em seguida, perguntem: O que a Bíblia nos adverte nestes versículos sobre nossa vida espiritual?
Devemos fugir da mornidão espiritual, e também da frieza, o ideal é sermos fervorosos!
- Agora, desenhem no quadro ou cartolina um termômetro com 03 indicações de temperatura: frio, morno e quente.
- Depois, perguntem: Quais características apresentam os crentes frios, mornos e quentes?
Aguardem as respostas.
- Para finalizar, leiam novamente Ap. 3. 15 a 16.
Por Sulamita Macedo.
                - Ei, desce do muro agora... Vem para cá!
                Já o grupo de Satanás não gritava e nem dizia nada. Essa situação continuou por um tempo, até que o jovem indeciso resolveu perguntar a Satanás:               
                - O grupo do lado de Deus fica o tempo todo me chamando para descer e ficar do lado deles. Por que você e seu grupo não me chamam e nem dizem nada para me convencer a descer para o lado de vocês?
                Grande foi a surpresa do jovem quando Satanás respondeu:
                - É porque o muro é meu!
Autoria desconhecida.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...