terça-feira, 20 de novembro de 2012

Currículo do Ano 3 – Adolescentes – Cartas que Ensinam Lição 08: “Ficar” ou se santificar?


Professoras e professores, para esta lição, apresento as seguintes sugestões:
- Iniciem a aula, cumprimentando os alunos, perguntem como passaram a semana. Escutem atentamente as falas dos alunos e observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração. Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email.
Compreendem a importância desse ato?
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.

- Falem: Hoje estamos estudando a 8ª. carta de um conjunto de 13 epístolas escritas pelo apóstolo Paulo.  O estudo será sobre a primeira carta de Paulo aos irmãos da igreja em Tessalônica.
Depois apresentem alguns fatos importantes sobre esta carta, tais como:
. Foi uma dos primeiros livros escritos do Novo Testamento.
. A carta foi escrita quando Paulo estava na cidade de Corinto(aproveite este momento e mostrem no mapa as cidades de Tessalônica e Corinto).


. Na semana passada aconteceu um fato na cidade de Tessalônica e foi noticiado na mídia.
. Se possível, apresentem algumas imagens da cidade atual.


- Agora, leiam I Ts 5.23 e afirmem que o tema central da carta é sobre a santificação.

- Trabalhem o conteúdo da lição, contextualizando o tema com a vida do aluno, para que a aprendizagem seja mais significativa.

Questionem, neste momento, os alunos sobre o “ficar”, atitude muito difundida atualmente:
O crente pode “ficar”? 
Talvez haja resposta negativa, pois alguns alunos, mesmo praticando ou aceitando a ideia, não vão expor o que pensam para não haver constrangimento por estarem na igreja etc.
Não se iludam! Nas escolas, entre os adolescentes é muito comum a prática do “ficar”. Muitos alunos são motivo de brincadeira de mau gosto porque ainda não beijaram, sendo pois chamados de BV(boca virgem). Imaginem quando eles sabem que têm algum colega virgem!
Mas, enfatizem que o crente é diferente e que precisa ter uma vida de santificação em todo lugar, na escola, em casa, na igreja etc.

- Depois, leiam o texto “A Corrida dos Sapinhos” e reflitam com os alunos sobre a lição que o texto nos traz: ficar “surdo” aos apelos mundanos, que nos causam problemas à prática da santificação.

- Para finalizar a aula, utilizem a dinâmica “Luz do Mundo”, que enfatiza a importância de permanecermos na luz, afastando-nos do pecado, resistindo as tentações.

Tenham uma excelente e produtiva aula!

Texto de Reflexão: A Corrida dos Sapinhos

            Era uma vez um tempo em que os bichos falavam... Nesse tempo também havia alegria, diversão e competição. Certa ocasião, decidiram realizar uma corrida de sapinhos.
            Eles tinham que subir uma grande torre e atrás havia uma multidão, muitos outros bichos para vibrar com eles.
            Começou a competição e a multidão dizia:
            - Não vão conseguir. Não vão conseguir.
            Os sapinhos iam desistindo um por um. Menos um que continuava subindo.
            Aí aclamava a multidão:
            - Vocês não vão conseguir!
            E os sapinhos iam desistindo um por um, menos um que subia tranqüilo. Ao final da competição, todos desistiram menos aquele.
            Todos ficaram curiosos para saber o que tinha acontecido. Quando foram perguntar ao sapinho como ele conseguiu chegar lá, descobriram que ele era SURDO!
Autoria Desconhecida.


Dinâmica: Luz do Mundo

Objetivo: Refletir sobre a atitude do crente como luz do mundo.

Material: 01 prato  e 01 copo transparentes, 01 vela, água, 01 caixa de palito de fósforos ou isqueiro.

Procedimento:
-  Falem que o crente é luz do mundo e acendam a vela e a coloquem no centro do prato, em posição vertical, observando se a mesma está firme.
- Coloquem a água no prato, tendo cuidado para não transbordar. Falem que o crente, representando pela vela acesa, é luz do mundo. O meio em vivemos está simbolizado pelo prato e a água é a Palavra de Deus. Leiam Ef. 5.26.
- Falem ainda, que estamos no mundo, mas temos a Palavra de Deus como guia na vida cristã, além de gozarmos da purificação, santificação. Leiam Sl. 119.105.
- Falem ainda, que o copo representará aquilo que pode apagar nossa luz, como: a desobediência, não vencer as tentações, a prática de coisas ilícitas etc. Então, em seguida, coloquem o copo emborcado sobre a vela.
- Perguntem: O que aconteceu? Mostrem para os alunos as reações ocorridas.
Além da vela ter se apagado, toda a água foi sugada para dentro do copo! Que lições podemos tirar deste procedimento?
- Para finalizar, leiam: Mt 5. 14 a 16 e Rm 12. 2.
Autoria desconhecida.
Dinâmica adaptada por Sulamita Macedo.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...