quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Dinâmica e Subsídios - Jovens e Adultos – Elias e Eliseu: Um Ministério de Poder para toda a Igreja - Lição 01: A Apostasia no Reino de Israel


Professoras e professores, estamos iniciando mais um ano de atividades na EBD. Motivação, estímulo, compromisso, responsabilidade, preparação e oração são ingredientes que não podem faltar à vida daqueles que estão ensinando. Então, mãos à obra! 
- Vamos pensar um pouco sobre o tempo de aula da EBD. Nas escolas seculares, a hora/aula dos turnos matutino e vespertino tem50 minutos de duração, enquanto no noturno 40m, com 5 aulas diárias.
 E na EBD, temos 01 aula semanal, geralmente, de 50 a 60 minutos. Considero que é este tempo é pouco, o ideal seria 1h30m. Mas, qualquer que seja o tempo destinado para a aula, deve ser bem utilizado. Sendo assim, preparem-se e promovam aulas criativas, dinâmicas e cativantes!
Destinem um pouco desse tempo(05 minutos no máximo), para manter um contato com os alunos, antes de introduzir o tema da aula. Para isso, vocês devem perguntar como eles passaram a semana; observem atentamente o que eles estão falando, pois vocês podem detectar se há alguém precisando de oração, de uma conversa etc. Apresentem os visitantes.
Vejam também qual o melhor horário para vocês apresentarem os alunos aniversariantes da semana, se houver.
Com esta atitude, somada aquela do início da aula, vocês estão formando vínculos afetivos com os alunos.
Vocês sabiam que aprendizagem também passa por vínculos afetivos?
- Organizem o tempo de aula para realizar a panorâmica do trimestre e depois trabalhar a lição 01.
1 – Panorâmica do Trimestre -apresentem os itens apontados abaixo:
- Tema: Elias e Eliseu: Um Ministério de Poder para toda a Igreja
- Capa:
O que vemos? Uma cruz, pomba e fogo.
O que estas figuras têm a ver com o tema do trimestre?
A Igreja é triunfante através do sacrifício de Jesus na cruz, que ressuscitou e foi assunto aos céus, deixando o Consolador, aqui simbolizado pelo fogo e a pomba, de quem a Igreja recebe poder para ser testemunha de Cristo, ensinando, pregando e operando maravilhas através da operação do Espírito Santo.
- Comentarista: Pastor José Gonçalves.
Vejam algumas informações sobre ele na “Interação” da lição 01.
Se possível, apresentem uma foto dele.
- As lições do trimestre:
Lição 01: Contexto espiritual e moral de Israel, da época de Elias e Eliseu.
Lições 02 a 06: Falam sobre Elias
Lição 07: Cobiça de Acabe
Lição 08: Sucessão de Elias por Eliseu
Lição 09: Transfiguração
Lições 10 a 13: Falam sobre Eliseu
2 – Lição 01: “A Apostasia no Reino de Israel”.
- Após falar do tema da aula, perguntem o que os alunos entendem por “apostasia”.
Aguardem as respostas e depois formulem uma definição de forma coletiva, acrescentando ou corrigindo algumas ideias, se necessário.
Aproveitem para fazer diferença entre “heresia” e “apostasia”.
- Falem que I Reis é o livro base para estudo
 - Trabalhem os seguintes pontos:
Situação espiritual e moral do povo Israelita
Reinado de Acabe: apogeu político e econômico
Cenário da época do Rei Acabe e sua esposa Jezabel: os promotores da apostasia
As consequências da apostasia
Aparecimento de Elias neste contexto
- Depois, utilizem a dinâmica “Teia de Jezabel” ou “Separados”.
- Para finalizar a aula, apliquem a dinâmica “Projeto 2013”, que tem como objetivo fazer com que os alunosplanejem metas e ações para 2013.
Tenham uma excelente e produtiva aula!
Objetivo:  Refletir sobre as artimanhas e ciladas do inimigo, para destruir a nossa vida espiritual.
Material: Um novelo de lã ou cordão
Procedimento:
- Organizem os alunos em círculo.
- Entreguem o novelo de lã ou cordão para um aluno, solicitem que pegue a ponta do cordão, enrole no dedo e jogue para qualquer pessoa do círculo. O que pegou o novelo, segura o cordão e joga para outro colega até o último aluno.
- Orientem que antes de jogar o novelo para outro colega, cada pessoa deverá falar sobre o que significa hoje as ideias e as obras de Jezabel para nós cristãos ou para a Igreja, no tempo atual.
- Ao terminar, você verão uma formação de uma teia.
- Então, perguntem: Para que serve uma teia de aranha?
Espera-se que os alunos falem que a aranha tece a teia para servir de armadilha para pequenos insetos e depois devorá-los.
- Perguntem: O que isto pode representar para nossa vida cristã? Cair na teia e ser devorado pelo inimigo?
Aguardem as respostas.
- Depois solicitem que os alunos soltem a teia no chão e desembaracem os fios. Certamente, não conseguirão devido a escassez de tempo, mas a tarefa é possível.
- O que isto pode representar?
Ficar embaraçado com as coisas do mundo não deve ser o nosso desejo, mas Deus pode nos dar força para resistir as ciladas do inimigo, a teia de Jezabel.
- Para concluir, leiam Ef6. 11 “Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo”.
Por Sulamita Macedo.

Dinâmica: Separados
Objetivo: Refletir sobre a conduta do cristão diante das influências mundanas.
Material: 
01 copo, água, óleo de cozinha, uma colher (kit 01);
01 prato, 02 xícaras de feijão(kit 02);
01 copo com água, 01 colher, iodo ou outro material para tingir(kit 03).
Procedimento:
- Dividam a turma em 03 grupos.
- Distribuam para o grupo 01: kit 01, para o grupo 02: kit 02 e para o grupo 03: kit 03.
- Orientem os grupos para fazer o procedimento pedido e responder ao questionamento:
Para o grupo 01, fazer a mistura e refletir sobre o que estão vendo: o óleo não se mistura com a água.
O que isto tem a ver com as atitudes do cristão diante das influências mundanas?
Parao 02, fazer o processo da catação do feijão.
Como podemos permanecer limpos diante das influências mundanas?
Para o 03, também fazer uma mistura. Observar o que aconteceu com a água.
Estamos nós cristãos sendo a água ou o material que tinge, modificando o ambiente que vivemos?
- Para concluir, leiam Salmo 01. 1 a 3.
Por Sulamita Macedo.
Objetivo: Planejar metas e ações para 2013.
Material:  ½ folha de papel ofício e 01 caneta para cada aluno.
Procedimento:
- Falem:Estamos iniciando mais um ano e precisamos pensar e planejar ações, metas e atos que pretendemos executar em 2013.
- Distribuam a metade da folha de papel ofício e a caneta para os alunos.
- Peçam que coloquem uma de suas mãos sobre o papel e a contornem.
- Falem que a mão representa ação, trabalho, atitude para que as ações planejadas sejam concretizadas.
- Solicitem que escrevam na mão pelos menos 05 ações que pretendem realizar em 2013.
- Falem também sobre a importância da elaboração dessas ações, pois torna visível o que se deseja e direciona as atitudes para a concretização desses objetivos.
- Leiam: Lc 14.28 e Ec 9.10.
- Façam uma oração pelos atos projetados pelos alunos.
- Solicitem que os alunos guardem este papel e quando as ações se realizarem, coloquem a data e socializem com a turma.
Por Sulamita Macedo.
Fonte: http://atitudedeaprendiz.blogspot.com.br/

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...