quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Jovens e Adultos: Lição 08: Moisés – sua Liderança e seus Auxiliares (DINÂMICA)

Professoras e professores, observem estas orientações:
1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.

2 – Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.

3 – Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou e-mail.
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.

4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.

5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associada a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!

6 - Agora, vocês iniciam o estudo da lição 08.

7 - Falem: A lição de hoje tem como título “Moisés – sua Liderança e seus Auxiliares”.

8 - Trabalhem o conteúdo da lição de foram participativa e de forma contextualizada, vejam esta sugestão:
- Falem: A liderança é algo muito comum no nosso cotidiano, quer seja na nossa família, na igreja, no trabalho etc. Ora somos lideres, ora liderados. Vivenciamos posturas diferentes de lideres e nesta lição estudaremos características do líder Moisés.
- Perguntem quais as formas de liderança exercidas, de um modo geral, por aquele grupo e anotem as respostas num quadro.
Por exemplo, Pastor, Líder do Setor, Superintendente da EBD, dirigente de Círculo de Oração, Comissão de Visitas, regente de conjunto ou coral, professor(a) da EBD, pregador(a), mãe, pai etc
- Distribuam dois pedaços de cartolina verde e vermelha para cada aluno e solicitem aos alunos para destacarem um ponto positivo(cartolina verde) e um negativo(cartolina vermelha) da liderança que eles exercem; não precisa de identificação dos nomes dos alunos; colem numa folha de papel madeira, separando-os em duas colunas; o grupo deverá identificar quais características precisam melhorar ou aquelas que necessitam continuar.
 - Trabalhem com a turma o conteúdo dos itens da lição, observando sempre como os princípios dessa liderança podem ser absorvidos ou melhorados nas nossas ações.
- Para explicar a necessidade dos cooperadores para a liderança, utilizem a dinâmica “Cooperadores”.
- Para concluir a aula, utilizem a dinâmica “O Exemplo de Moisés”.
Tenham uma excelente e produtiva aula!

Dinâmica: O Exemplo de Moisés

Objetivo: Promover a conclusão do estudo sobre as características da liderança de Moisés.

Material:
Cópias da figura de pé esquerdo e direito(a quantidade vai depender do número de características – vejam abaixo).
Fita adesiva
Pincel atômico

Procedimento:
- Falem: Depois do que já estudamos sobre a liderança de Moisés, quais características podemos apontar deste servo de Deus?
- Aguardem as respostas.
Espera-se que os alunos apontem as seguintes características, entre outras:
Dedicado
Humildade
Manso
Bondoso
Obediente
Fiel
Confiável
Temperamento descontrolado
Caráter controlado
Líder solitário(Centralizador - na fase inicial)
Não percebia a necessidade dos liderados(na fila e em pé)
Agenda lotada(“... de manhã ao por do sol..”)
Soube escutar Jetro
Aceitou proposta de Jetro
Temente a Deus
Tinha objetivos claros de acordo com a vontade de Deus
Preparado por Deus
Orava
Adorava a Deus
Rejeitava o erro e corrigia.
- Distribuam para os alunos as figuras de pés e peçam para que escrevam uma das características apontadas(01 característica por pé).
- Depois, montem no piso da classe um caminho com as figuras de pés.
- Falem: Este caminho representa o caminhar de um líder desde sua chamada, aceitação do chamado e atuação no Egito diante de Faraó, a peregrinação no deserto com o povo de Israel. Várias ações foram executadas por Moisés e nelas podemos observar as características, quer positivas ou negativas.
 - Agora falem: O que cada uma destas características pode representar para vocês como líderes na sua casa, igreja ou trabalho? O que vocês podem aprender, modificar (retirando ou acrescentando) na caminhada enquanto líderes?
- Peçam para que os alunos caminhem sobre o caminho e apontem 01 característica positiva que precisa ter ou que já possui e 01 negativa que gostaria de modificar(outras características podem  ser ditas pelos alunos que eles já percebem que já possuem como lideres).
- Concluam, lendo Isaías 30:21:
“E os teus ouvidos ouvirão a palavra do que está por detrás de ti, dizendo: Este é o caminho, andai nele, sem vos desviardes nem para a direita nem para a esquerda”.
Por Sulamita Macedo.

Dinâmica: Cooperadores

Objetivo: Refletir sobre a importância da liderança e os cooperadores.

Material:
01 bexiga para cada aluno
Local de realização: Adequado para o uso de bexigas, não é bom que seja dentro do templo, pois vai chamar a atenção de outras classes.

Procedimento:
- Distribuam 01 bexiga para cada aluno e peçam para que encham e deem um nó para o ar não escapar.
- Solicitem para que fiquem em círculo e joguem as bexigas para cima.
- Em seguida, comecem a retirar alguns alunos do círculo, mas suas bexigas permanecerão.
- Retirem mais pessoas e deixem as bolas para que as que permaneceram tentem controlar todas as bolas.
- Continuem retirando até deixar uma pessoa.
- Não se preocupem quando os alunos começarem a reclamar, incentive-os a continuar lutando para dominar todas as bolas, até que eles percebam que não conseguem e parem.
- Façam uma reflexão sobre a atividade, apontando para a importância da cooperação de todos, enfatizando que o líder necessita de outros para poder trabalhar de forma exitosa.
Moisés precisou de colaboradores que tinham propósitos comuns. Chamem 03 alunos e falem para que eles realizem o que vai ser lido:

“E acontecia que, quando Moisés levantava a sua mão, Israel prevalecia; mas quando ele abaixava a sua mão, Amaleque prevalecia. Porém as mãos de Moisés eram pesadas, por isso tomaram uma pedra, e a puseram debaixo dele, para assentar-se sobre ela; e Arão e Hur sustentaram as suas mãos, um de um lado e o outro do outro; assim ficaram as suas mãos firmes até que o sol se pôs” (Ex17. 11 e 12).
Ideia original desconhecida.
Esta versão da dinâmica por Sulamita Macedo.

Texto de Reflexão
A Dívida da Liderança
            Examine as palavras do Salmo 86 e você talvez esquecerá de que está lendo as meditações de um grande líder. O rei Davi orou: “Inclina os teus ouvidos, ó Senhor, e responde-me, pois sou pobre e necessitado”(v. 1). Então o rei de Israel fala de si mesmo como “servo” e roga por misericórdia. Pense nisso! Este foi o homem que Deus escolheu para liderar o seu povo e ele está suplicando pela ajuda de Deus. Uau!
            Quando pensamos nas funções dos líderes – seja séculos atrás ou hoje – é vital revermos o que seja liderança. Conforme o homem de negócios e autor Max De Pree, cuja liderança fez sua empresa ficar perto das primeiras na lista das 500 maiores da revista Fortune, “A primeira responsabilidade de um líder é definir a realidade. A última é dizer obrigado. Entre as duas, o líder deve tornar-se um servo e um devedor. Isso resume o progresso de um líder habilidoso”. As duas palavras, servo e devedor, descrevem o ponto de vista que Davi tinha de si mesmo ao pedir ajuda a Deus durante o seu tempo de liderança.

            Todos nós que estamos numa posição de liderança – seja liderando uma família, igreja, escola ou algum negócio – precisamos das palavras humildes do salmo 86 como quia. O “pobre e necessitado”(v. 1) servo-líder, aquele que confia em Deus, é quem no final pode dizer, como disse Davi: “Tu, Senhor, me ajudaste e me consolaste”(v. 17). JDB

Fonte: Nosso Andar Diário

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...