sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Jovens e Adultos: Fé e Obras – Ensinos de Tiago para uma Vida Cristã Autêntica Lição 13: A Atualidade dos Últimos Conselhos de Tiago (Dinâmica)

Professoras e professores, observem estas orientações:
1 – Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.
- Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.

2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
Outro fator importante para estabelecer vínculos com os alunos é através das redes sociais, adicionem os alunos e mantenham comunicação com eles.

3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email ou pelas redes sociais,deixando uma mensagem “in box” dizendo que sentiu falta dele(a) na EBD).
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.

4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.

5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!

6 - Agora, iniciem o estudo da lição. Observem as seguintes sugestões:
- Falem que nesta lição vamos estudar sobre vários conselhos práticos e atuais de Tiago, encontrados no último capítulo do livro, tais como:
Paciência e perseverança
Esperança na Vinda do Senhor
Não queixar-se dos outros
Não fazer juramento
Juízo divino
Cantar na alegria e orar na aflição
Unção de enfermos
Oração da fé
Confissões de culpas
Orar uns pelos outros
Conversão de um irmão
- Escrevam estas expressões acima citadas no quadro, para que haja melhor compreensão do que vai ser estudado.
- Em seguida, comecem a ler os versículos 7 a 20 do capítulo 5 de Tiago. À medida que a leitura for efetuada, façam comentários sobre o que foi lido.
Neste momento, estimulem a participação dos alunos e procurem contextualizar o que está sendo explanado com o tipo de aluno que você ensina.
- Vejam algumas sugestões para trabalhar alguns pontos da lição:
Sobre a paciência, vocês podem escolher entre a dinâmica“Perdendo a Cabeça” ou  a fábula “A Lebre e a Tartaruga”(postadas abaixo).
Sobre a oração, vocês podem utilizar a dinâmica “A Chave”.
Sobre a unção de enfermos, peçam a um presbítero para ungir os alunos que estão doentes.
- Para conclusão do trimestre, foi sugerida desde a lição 10, a realização de uma gincana. Caso vocês estejam tomando conhecimento desta sugestão apenas hoje, faça algumas adaptações para realizar algumas tarefas da gincana sugerida.
Tenham uma excelente e produtiva aula.

Dinâmica: Perdendo a Cabeça

Objetivo: Refletir sobre o exercício da paciência.

Material:
01 bexiga para cada aluno
01 palito de dentes

Procedimento:
- Distribuam uma 01 bexiga vazia para cada aluno.
- Em seguida, mostrem uma bexiga cheia de ar e falem sobre a falta de paciência, mansidão que muitas pessoas apresentam. Vocês explodem com facilidade? (neste momento, estourem a bexiga com um palito).
- Depois, orientem para que cada pessoa fale sobre algo que o irrita, que faz perder cabeça de forma rápida e à medida que falarem eles devem encher a bexiga.
- Depois que todos falarem, perguntem: O que fazer para que alguém não exploda?
Aguardem as respostas.
- Depois, enfatizem sobre a importância da mansidão, da paciência diante de situações que podem provocar irritação.
- Peçam para que os alunos deem um nó na bexiga e escrevam sobre ela a palavra mansidão, paciência.
Por Sulamita Macedo.

Fábula
A lebre e a Tartaruga
A lebre vivia a se gabar de que era o mais veloz de todos os animais. Até o dia em que encontrou a tartaruga.
– Eu tenho certeza de que, se apostarmos uma corrida, serei a vencedora – desafiou a tartaruga.
A lebre caiu na gargalhada.
– Uma corrida? Eu e você? Essa é boa!
– Por acaso você está com medo de perder? – perguntou a tartaruga.
– É mais fácil um leão cacarejar do que eu perder uma corrida para você – respondeu a lebre.
No dia seguinte a raposa foi escolhida para ser a juíza da prova. Bastou dar o sinal da largada para a lebre disparar na frente a toda velocidade. A tartaruga não se abalou e continuou na disputa. A lebre estava tão certa da vitória que resolveu tirar uma soneca.
"Se aquela molenga passar na minha frente, é só correr um pouco que eu a ultrapasso" – pensou.
A lebre dormiu tanto que não percebeu quando a tartaruga, em sua marcha vagarosa e constante, passou. Quando acordou, continuou a correr com ares de vencedora. Mas, para sua surpresa, a tartaruga, que não descansara um só minuto, cruzou a linha de chegada em primeiro lugar.
Desse dia em diante, a lebre tornou-se o alvo das chacotas da floresta. Quando dizia que era o animal mais veloz, todos lembravam-na de uma certa tartaruga...
Moral: Quem segue devagar e com constância sempre chega na frente.
Fábula de Esopo

Dinâmica: A Chave

Objetivo: Refletir sobre a importância e a eficácia da oração.

Material:
01 chave de metal ou confeccionada de cartolina com tamanho ampliado.

Procedimento:
- Perguntem aos alunos: Para que serve uma chave?
- Aguardem as respostas. Normalmente, apenas é mencionado o ato de abrir, porém não se esqueçam que também a chave é utilizada para fechar.
- Falem que a oração pode ser comparada a uma chave.
- Perguntem: O que a oração pode abrir ou fechar?
Exemplos:
Abrir: Salvação, emprego, aprovação no vestibular etc.
Fechar: livramentos (acidentes, assaltos), orações que não estão de acordo com a vontade de Deus, etc.
- Solicitem aos alunos que apontem dois exemplos do Antigo Testamento de orações que representam o ABRIR e FECHAR e também mencionar situações vivenciadas por eles.
- Para finalizar, leiam II Cr 7.12 a 14.
Por Sulamita Macedo.

Sugestão de atividade para a conclusão do 3º. Trimestre
Organizar uma Gincana
Tema: Livro de Tiago

- Local de realização: Pode ser dentro da igreja com atividades simples ou em outro ambiente com variedade de ações, entre as simples e mais complexas e lúdicas que necessitem de espaço mais apropriado.

- Formar as equipes: Os alunos devem ser divididos em equipes, de preferência mistos.

- Data de realização: O ideal é que seja na última aula do trimestre ou em outro momento de sua escolha.

- Comissão julgadora: Pode ser formada por professores da própria classe, professores de outras classes, algum integrante da equipe administrativa e pedagógica da EBD.

- Escolher um condutor: Deve ser uma pessoa animada e que tenha conhecimento das tarefas da gincana.

- Tarefas:
1 - Perguntas fáceis: Resposta correta 01 ponto
A quem foi dirigida a carta de Tiago? Às 12 tribos dispersas
Por que os crentes estavam dispersos? Por causa da perseguição
Quem era Tiago? O meio-irmão de Jesus
Quantos capítulos tem o livro de Tiago? 05 capítulos

2 – Perguntas mais complexas: Resposta completa e certa 2 pontos, correta e incompleta 1 ponto, resposta errada perde 01 ponto
Por que o livro de Tiago é considerado o livro de Provérbios do Novo Testamento? Porque contém conselhos práticos.
Qual o nome do sermão de Jesus que Tiago faz referência quanto ao conteúdo em sua carta? Sermão do Monte
A que profeta do Antigo Testamento Tiago é comparado? Por quê? Amós, porque fala com firmeza das injustiças sociais.
Qual o nome de um personagem bíblico, que também dá nome a um livro da Bíblia, citado por Tiago? Jó (Tg 5.11)
Qual o nome de um profeta do Antigo Testamento citado por Tiago? Elias (Tg 5.17)
Qual o nome de uma mulher do Antigo Testamento citada por Tiago? Por que ela foi citada? Raabe (Tg 2.25)
Quais os nomes dos personagens bíblicos do Antigo Testamento citados por Tiago?
Abraão(2.21), Isaque(2.21), Raabe(2.25), Jó(5.11) e Elias(5.17).

03 - Fazer uma encenação: Os pontos podem variar entre 0 a 10, dependendo da avaliação da comissão julgadora, atendendo aos seguintes critérios: caraterização dos personagens, expressão oral, facial e corporal, conteúdo transmitido.
A encenação será sobre uma destas situações apresentadas, por Tiago, nos seguintes versículos: 2. 2 a 5, 2. 15 a 17, 3. 9 a 12, 4.7, 4. 13 a 15, 5. 7 e 8, 5. 13 e 14
Os grupos devem receber qual a encenação que deverá ser realizada com pelo menos 01 semana de antecedência.
Estipular o tempo para a apresentação, que pode ser, no máximo, em 05 minutos.

04 – Atividades competitivas
Atividade competitiva A: A pontuação de 5 pontos vai para o primeiro grupo que terminar a atividade. Os demais grupos ganharão apenas 02 pontos.
Formar uma fila com 05 alunos de cada grupo, isto é, se houver 03 grupos, 03 filas serão formadas.
Escolher dois alunos para ficar a uns 03 metros de distância de frente para cada fila; um vai segurar uma cesta com pães e outro vai segurar uma cesta vazia. Para cada fila, 02 alunos de frente.
Explicar que o 1º. aluno de cada fila deve sair e pegar 01 pão, contornar toda a fila e  colocar o pão na cesta vazia, retornar, parando no final da fila. Só então, o outro aluno deve fazer o mesmo que o anterior a ele; isto deve acontecer até que todos os 05 alunos tenham participado.
Se o pão cair, no momento que o aluno estiver se locomovendo ou quando for colocar no pão na cesta, o aluno deve voltar e consertar o erro e terminar a atividade.

Atividade competitiva B: Apresentar várias figuras e pedir para que escolham apenas aquelas que dizem respeito a analogia que Tiago faz sobre a língua.
O primeiro grupo que terminar, cada figura correta valerá 02 pontos. Os demais grupos ganharão apenas 01 ponto para cada figura correta. A comissão julgadora deve observar se estão corretas. O grupo, que apresentar figuras erradas, perderá 01 ponto por figura.

Atividade competitiva C: Apresentar várias palavras e solicitar que os alunos escolham apenas aquelas que caracterizam a sabedoria divina, conforme 3.17(não pode haver consulta).
O primeiro grupo que terminar, cada palavra correta valerá 02 pontos. Os demais grupos ganharão apenas 01 ponto para cada palavra correta. A comissão julgadora deve observar se estão corretas. O grupo, que apresentar palavras erradas, perderá 01 ponto por palavra.

05 - Atividades que necessitam de explicação
Explicação correta e completa vale 05 pontos
Explicação correta, porém incompleta vale 02 pontos
Explicação incorreta, o grupo perde 02 pontos
- Explicar o que significa a cesta com pães e a cesta vazia da atividade competitiva A, com a retirada de pães de uma para a outra.
- Colocar figuras para os grupos explicarem o que significam de acordo com o tema estudado no trimestre







Por Sulamita Macedo.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...