quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Juvenis - Lição 10: Ioga prática religiosa disfarçada (Dinâmica)

Professoras e professores, observem estas orientações:
1 - Antes de abordar o tema da aula, é interessante que vocês mantenham uma conversa informal e rápida com os alunos:
- Cumprimentem os alunos.
- Dirijam-se aos alunos, chamando-os pelo nome, para tanto é importante uma lista nominal para que vocês possam memorizar.
- Perguntem como passaram a semana.
- Escutem atentamente o que eles falam.
- Observem se há alguém necessitando de uma conversa e/ou oração.
- Verifiquem se há alunos novatos e/ou visitantes e apresentem cada um.
2 - Este momento não é uma mera formalidade, mas uma necessidade. Ao escutá-los, vocês estão criando vínculo com os alunos, eles entendem que vocês também se importam com eles.
Outro fator importante para estabelecer vínculos com os alunos é através das redes sociais, adicionem os alunos e mantenham comunicação com eles.
3 - Após a chamada, solicitem ao secretário da classe a relação dos alunos ausentes e procurem manter contato com eles durante a semana, através de telefone ou email ou pelas redes sociais,deixando uma mensagem “in box” dizendo que sentiu falta dele(a) na EBD).
Os alunos se sentirão queridos, cuidados, perceberão que vocês sentem falta deles. Dessa forma, vocês estarão estabelecendo vínculos afetivos com seus alunos.
4 – Escolham um momento da aula, para mencionar os nomes dos alunos aniversariantes, parabenizando-os, dando-lhes um abraço, oferecendo um versículo.
5 – Fazendo o que foi exposto acima, somando-se a um professor motivado, associando a uma boa preparação de aula, com participação dos alunos, vocês terão bons resultados! Experimentem!
6 – Agora, trabalhem o conteúdo da lição. Vejam as sugestões abaixo:
- Apresentem o título da lição: Ioga prática religiosa disfarçada.

- Para iniciar, sempre é bom saber o que os alunos conhecem sobre o tema – Ioga.
Observem o que eles falam.
- Depois, apresentem informações sobre a Ioga de acordo com os pontos abaixo:
O que é Ioga
Método de relaxamento e meditação
Prática espiritualista do misticismo oriental
Técnica de hatha: método religioso
Prahriti: pessoa encarcerada em seu corpo
Carma
Utilização no ocidente
- Em seguida, apresentem quais os argumentos que os Iogues utilizam para convencer alguém a praticar Ioga(vejam na página 71 no item “os enganos da Ioga”).
- Posteriormente, lancem a pergunta:
Por que os cristãos devem evitar a prática da Ioga?
Então, apresentem as 05 ideias e refutações contidas nas páginas 71 e 72.
- Para concluir, utilizem a dinâmica “Equilíbrio Interior”.
Tenham uma excelente e produtiva aula!

Dinâmica: Equilíbrio Interior

Objetivo:
Refletir sobre os problemas emocionais e de estresse.
Enfatizar que somente em Deus podemos ter uma vida de equilíbrio.

Material:
Cartolina
Nomes digitados: Ansiedade, Estresse, Problemas emocionais, Fobias, Síndrome do Pânico, Depressão etc.
Cola
01 Bíblia
Observação: colar os nomes mencionados acima na cartolina, cortar em tiras e formar um círculo com cada uma delas.

Procedimento:
- Escolham 01 aluno e falem apenas para ele que vocês vão colocar no braço esquerdo vários nomes; ao serem pendurados, ele deve começar a movimentar o corpo para a esquerda, como se estas palavras estivessem pesando bastante.
 - Falem: A ansiedade, o estresse e problemas emocionais trazem como consequência doenças da alma, como: Fobias, Síndrome do Pânico, Depressão. É lógico que o corpo também sofre as consequências deste desequilíbrio.
À medida que vocês falarem façam o que foi orientado acima.
- Perguntem para o aluno e para a turma:
Mas o que está acontecendo com você?
Aguardem as respostas.
- Depois, falem: As nossas ocupações, a correria do dia a dia, a pressão para realizar tarefas deixam as pessoas assim, em desequilíbrio. Muitas pessoas procuram o equilíbrio de diversas formas, dentre uma delas a prática da Ioga. Mas, nós cristãos não devemos nos apropriar de dessa técnica religiosa pagã.
- Agora, apresentem 01 Bíblia e coloquem na mão direita do aluno.
- Falem: Vejamos o que a Bíblia nos afirma sobre isto.
O aluno deve voltar a posição de equilíbrio, à medida que os versículos abaixo forem lidos:
 “ Lançai sobre Ele toda a vossa ansiedade, porque Ele tem cuidado de vós”(1 Pedro 5.7).
“Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve”(Mt 11. 28 a 30).
 “Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário? Olhai para as aves do céu, que nem semeiam, nem segam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais valor do que elas?”(Mateus 6:25-26).
“Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças”(Filipenses 4:6).
“Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai”(Filipenses 4:8).
- Para concluir, falem: O equilíbrio nós temos observando o que a Palavra de Deus nos ensina! A comunhão com Deus, a paz que somente Ele nos dá, a presença do Espírito Santo que mora e está em nós, a meditação na Palavra de Deus, a oração são requisitos para uma vida equilibrada.

Tenham uma excelente e produtiva aula!

Fonte: http://atitudedeaprendiz.blogspot.com.br/

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...